Tabela do calote desmente Caiado: salários atrasados representam a metade do R$ 1,6 bilhão divulgado pelo governador; era tudo fake news

Segundo a tabela, a Fazenda já pagou 11,58% da folha atrasada, o equivalente a R$ 95,6 milhões. Em seguida, a equipe econômica deduz os salários já quitados da parte ainda não paga, restando em aberto 88,42% dos salários, o equivalente a R$ 729,9 milhões. Somados, os valores perfazem R$ 825,5 milhões, metade do R$ 1,6 bilhão apresentado por Caiado.

Vale lembrar que era esse montante de R$ 1,6 bilhão atribuídos à folha de dezembro que o governador e a supersecretária e primeira-ministra da Economia, Cristiane Schmidt, queriam “encaixar” na dívida consolidada do Estado como parte do jeitinho para incluir Goiás no Regime de Recuperação Fiscal (RRF) da União.

Dia após dia, as farsas de Caiado vão sendo desmontadas.