A revanche: mesmo tendo Gracinha como interlocutora, Caiado não desistiu de acertar contas com Sandro Resende, do Podemos

Mesmo tendo a toda-poderosa primeira-dama, Gracinha como interlocutora, Caiado não desistiu de acertar as contas com Sandro Resende, presidente do Podemos em Goiás. Sandro tem feito críticas pessoais ao governador e já pensa em voltar ao ninho emedebista. Caiado tem afirmado que só reconhece José Nelto, que tem voto, como representante do Podemos. Por isso, só vai nomear parte da lista que o partido exigiu como contrapartida pelo apoio nas eleições.
Sandro tem destilado pesadas críticas pessoais e feito ameaças.