Exclusivo (áudio): “A tendência é parar de imediato”, diz presidente de sindicato da Segurança Pública. Ouça

Em entrevista exclusiva ao Goiás 24 Horas, o presidente do Sindicato dos Servidores do Sistema de Execução Penal do Estado, Maxsuell Miranda das Neves, anunciou que a categoria fará assembleia na semana que vem para decidir o que fazer sobre o calote de dezembro, mas adiantou que “a tendência é parar de imediato”.

“Vamos marcar uma assembleia geral unificada e colocar na mão da categoria pra ver se vai paralisar ou não. Mas a tendência é parar de imediato”, afirma.

Ouça.