Produtores protestam contra Enel: “Teve casos de chegarmos a ficar mais de três dias seguidos sem energia na região”

Muitos produtores de leite chegam a investir em geradores para que a falta de energia não comprometa a produção. Um deles é Marco Sérgio Batista Xavier, de Cromínia, a 82 quilômetros de Goiânia. “Teve casos de chegarmos a ficar mais de três dias seguidos sem energia na região. Nosso produto é perecível e isso não pode acontecer”, destaca.

Marco conta que fez um investimento em torno de R$ 40 mil na compra do gerador, instalação e combustível para funcionamento. “É um absurdo ter um gasto com um serviço que pagamos e que não é nada barato. Não há adjetivos para caracterizar o que passamos na mão da Enel atualmente”, desabafa.

Além disso, o produtor questionou o fato da cidade que mora contar apenas com uma equipe para atender sete municípios da região. Caso os moradores precisem de atendimentos fora do horário comercial, isso não acontece.”Isso é inadmissível. Tive condição de fazer um gasto desses, mas e quem não tem? Realizar um gasto com algo que devemos ter o direito de termos não é justo. Se eles compraram, eles deveriam ter ciência de todas as contas e do que deveria ser feito para melhorar os serviços”, ressalta.

(Com informaçõs do site Mais Goiás)