Mais um recorde da gestão de Paulo do Vale: Rio Verde está entre os campeões de casos de dengue em Goiás

A gestão do prefeito Paulo do Vale bate mais um recorde negativo e coloca Rio Verde entre os campeões da dengue em Goiás.

O município aparece em quinto lugar no ranking do número de registros da doença no estado em casos oficialmente notificados neste início de ano.

A infestação do Aedes Aegypti é decorrência direta da má gestão e do desleixo da prefeitura na eliminação dos criadouros do mosquito.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde já foram notificados 426 casos da doença no município em 2019, que aparece em quinto lugar em número de notificações em todo o estado.

A Secretaria da Saúde já notificou nestes primeiros dias do ano mais de 15 mil casos em Goiás e apura ainda 16 mortes que teriam sido causadas pela doença.

O Tipo 2 do vírus, considerado o mais perigoso dos quatro causadores da dengue, começa a predominar no estado. Os dados referem-se até o dia 16 de fevereiro.

Goiânia é a cidade com maior número de registros (2.546), seguida de Aparecida de Goiânia (1.638), Anápolis (960), Posse (809) e Rio Verde (426).