Baldy enfrenta primeira crise em São Paulo: forte chuva causa morte de 11 pessoas e detona o sistema de transporte

O goiano Alexandre Baldy achou que iria viver de flores em São Paulo, como secretário de Transporte do governo de João Doria. Nesta madrugada de segunda-feira, Baldy conheceu a dura realidade da megalópole. O temporal que caiu na Grande São Paulo matou 11 pessoas e praticamente inviabilizou todo o sistema de transporte. Ruas e avenidas ficaram intransitáveis e diversas de estações do metrô foram tomadas pela água da chuva.

Baldy terá que mostrar serviço!