Prefeito de Rio Verde perde mais uma dentro do MDB, agora no diretório nacional. A moral de Paulo do Vale não passa do córrego da Lage

O Senador Luiz Carlos Carmo pediu ao Diretório Nacional pra colocar a expulsão dos prefeitos infiéis do MDB de Goiás em pauta. O presidente Romero Jucá fez de conta que nem ouviu e ficou o dito pelo não dito. Não colocou o assunto paroquial em debate ma reunião que discutia o cenário político nacional, claro.

Moral da coisa, a expulsão dos infiéis do MDB não tem mais recurso.

Até  terreiro de macumba está recusando o caso deles.

A moral de Paulo do Vale, um dos infiéis expulsos,  não passa do córrego da Lage.