PSDB pode fechar aliança com Mendanha em 2020, diz líder do partido na Assembleia

Líder do PSDB na Assembleia Legislativa, o deputado Talles Barreto vê com simpatia uma eventual  aproximação com o MDB para 2020 em Goiânia e, em especial, em Aparecida. A declaração dada  durante entrevista à TV Metrópole, na última segunda-feira, 25.

Indagado sobre um possível apoio a Iris Rezende (MDB) em uma eventual campanha de reeleição à Prefeitura de Goiânia no ano que vem, Talles disse achar “difícil”, devido à ligação do prefeito ao governador Ronaldo Caiado (DEM). “Mas, se fosse o Maguito, poderia”, assinalou.

Barreto registrou que existe uma estreita ligação entre os tucanos e o grupo de Vilela, que participa da administração municipal em Aparecida de Goiânia desde 2008.

Depois de cumprir 2 mandatos como prefeito de Aparecida, Maguito ajudou em 2016 a eleger seu sucessor e atual ocupante do cargo, Gustavo Mendanha. “Temos uma simpatia tremenda pelo Gustavo, que faz uma boa gestão em Aparecida”, avaliou.

De acordo com o deputado, o PSDB tem que se preparar para 2020. Nessa preparação, estaria incluída a possibilidade de apoiar Mendanha em sua reeleição? Barreto respondeu positivamente, lembrando também que foi parlamentar ao lado do Daniel Vilela e tem muito carinho por ele.

veja o vídeo:

“Se o Daniel fosse governador, Goiás estaria muito melhor”, afirmou.