Jornalista Afonso Lopes sugere a Caiado trocar secretários da Saúde e Educação: “Fonte de agendas permanentemente negativas”

Em análise sobre os 100 dias de governos Bolsonaro e Caiado, o jornalista Afonso Lopes sugere a Caiado trocar secretários da Saúde e Educação: “Fonte de agendas permanentemente negativas”.
Veja:”Ronaldo Caiado também deve fazer corretamente uma avaliação sobre a situação em duas áreas essenciais: educação e saúde. Se por culpa de má gestão dos secretários ou falta de dinheiro para a correta gestão dos problemas, cabe ao governador avaliar, mas que essas áreas se tornaram fonte de agenda permanentemente negativa não há qualquer dúvida. Uma rápida consulta às manchetes dos jornais e veículos da internet, e mesmo nas redes sociais, é claramente visível que são essas áreas que vem causando enorme desgaste ao governo. Além disso, a política de comunicação atual é também fonte de pessimismo.”