Fogo amigo: Twitter do PMDB ataca Iris e Paulo Garcia pelo erro nas planilhas

A anarquia que virou o aumento do preço da passagem em Goiânia virou a cabeça do pessoal que faz o Twitter do PMDB, que se apresenta na rede social como MandaBrasa.

Na manhã deste sábado, o calor da revelação de O Popular de que há erro nas planilhas das empresas de ônibus, o perfil peemedebista manda brasa no ex-prefeito Iris Rezende e no atual Paulo Garcia.

Em tom de indignação, pergunta:

“Onde estavam governo de Goiás e prefeitura de Goiânia, ambos membros do Conselho, que não viram o erro nas planilhas?”

Será que Iris e Paulo vão responder?

Veja o post:

 

ManDaBrasa @ManDaBrasaGO

E fica uma pergunta: onde estavam estado de Goiás e prefeitura de Goiânia, ambos membros do Conselho, que não viram o erro nas planilhas?

 

LEIA MAIS:

O Popular faz trabalho que MP, omisso, deixou de fazer na crise do transporte coletivo

Contrato que cobra do povo tarifa com impostos inexistentes é do tempo de Iris na Prefeitura

O Popular prova que planilhas das empresas são fajutas. E agora, Paulo Garcia?

Presidente da CMTC ataca Procon mais uma vez e dispara: “Está mal informado”

Piada do ano: revisão e auditoria nas planilhas das empresas vão durar 2 meses

Planilhas apontam 35% de gasto com combustível, Procon fala em 20%, mas em SP não passa de 17%

JA 2ª Edição informa que aumento da tarifa do ônibus foi “irregular”. Segundo o Procon, planilhas são furadas

Aumento da tarifa de ônibus de Goiânia, de 11,11%, foi superior à inflação do período, de 6,5%

Aumento da tarifa de ônibus em Goiânia foi de 11,11%, mas em São Paulo foi menor: 6,7%