Rio Verde: Paulo do Vale arrocha vereadores e diz que quem votar contra projetos da prefeitura vai passar a pão e água

O prefeito de Rio Verde, Paulo do Vale, nunca deu bola nem costuma receber na prefeitura os integrantes da sua base de apoio na Câmara de Vereadores.

Nesta segunda-feira (22), Paulo do Vale não fugiu do figurino: chamou a turma da base no gabinete para arrochar o parafuso e exigir a aprovação de um pacote de maldades enviado à Câmara pela prefeitura.

Na conversa, o prefeito foi curto e grosso: quem não votar a favor do pacote, estará fora e será tratado a pão e água pela prefeitura.

O constrangimento foi geral, ainda mais quando Paulo do Vale praticamente obrigou os vereadores a fazerem pose para foto com uma composição de lego exaltando amor a Rio Verde.