Criados no governo Marconi, Colégios Militares de Goiás são modelos que inspiram MEC a criar colégios militares federais

O governador Ronaldo Caiado (DEM) vai ter de engolir mais essa: criados nos governos de Marconi Perillo, os Colégios da Polícia Militar de Goiás (CPMs) estão se convertendo em modelo nacional para a política de militarização da gestão escolar em gestação no governo Jair Bolsonaro (PSL).

A escalada da violência dentro das escolas levou o presidente a defender, neste fim de semana, a implantação de Colégios Militares em todas as capitais do País. Os resultados do ensino-aprendizagem nas unidades goianas são sensíveis: as vagas são disputadas por imensas filas de pais e alunos e essas escolas vêm obtendo, ano após ano, as melhores notas no ranking do Índice da Educação Básica (Ideb).