OAB: Lúcio Flávio diz que 3 anos como manda-chuva da Ordem foram “pouco”

Em entrevista ao jornal Tribuna do Planalto, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em Goiás (OAB-GO), Lúcio Flávio de Paiva, afirma que três anos no cargo foram “pouco” para fazer todo o trabalho a que ele se propôs como dirigente classista.

“Temos um projeto vigoroso, com muita coisa a oferecer para a advocacia, mas três anos é pouco para vencer todos os problemas que a OAB tinha”, diz Lúcio Flávio.

Pouco? Este blog discorda.

Clique aqui para ler a entrevista na íntegra.

Compartilhe