Ruim de serviço: Estadão diz que Goiás não ganhou nada com Baldy ministro

Goiás não ganhou nada com a ascensão do deputado federal Alexandre Baldy ao cargo de ministro das Cidades. É o que revela reportagem publicada neste domingo pelo jornal O Estado de S. Paulo.

O levantamento mostra que os ministros, cada um na sua área, de um jeito ou de outro dão um jeito de privilegiar o Estado de onde vêm. É assim com o alagoano Marx Beltrão, do Turismo; com o paranaense Ricardo Barros, da Saúde; ou com o maranhense Sarney Filho, do Meio Ambiente.

O mato-grossense Blairo Maggi, por exemplo, aumentou em 109% os recursos liberados para prefeituras do seu Estado via ministério da Agricultura.

E Baldy? Nada. Nem é citado na reportagem. Clique aqui para conferir.

Compartilhe