Arrecadação em queda, salários atrasados, negativa de ajuda do governo federal: forasteira Cristiane Schmidt está por um fio na Secretaria da Economia

Arrecadação estadual em queda. Salários do funcionalismo atrasado, com cronograma errático de pagamento da folha. Recusa do governo Jair Bolsonaro em ajudar os Estados a equilibrar suas contas.

A lista de fracassos da supersecretária forasteira da Economia, Cristiane Schmidt, contratada como a queridinha de Guedes, não para de crescer e se agravar. Desde que assumiu, a auxiliar carioca não deu uma dentro e sumiu da agenda pública de Caiado.

Na Secretaria da Economia, a percepção é uma só: Cristiane Schmidt está por um fio no cargo.