MP aponta fortes indícios de “organização criminosa” em gabinete de Flávio Bolsonaro desde 2007

As investigações do Ministério Público do Rio de Janeiro indicam que há fortes indícios da existência de uma “organização criminosa” no gabinete de Flávio Bolsonaro, quando ele era deputado estadual pelo Rio.

De acordo com as apurações, há movimentações financeiras suspeitas envolvendo o filho de Jair Bolsonaro e assessores parlamentares desde 2007.