Sem estratégia sobre incentivos fiscais, Secretaria de Caiado ataca Doria e Confaz

Sem estratégia alguma para a política de incentivos fiscais, o governo Caiado sofre agora os primeiros reveses com São Paulo ampliando as vantagens para as indústrias que optarem por se instalar nas terras paulistas. A decisão deixou a secretária de Economia de Goiás, Cristiane Schmidt. Ela vê Goiás perder os atrativos para atração de empresa e agora ataca Doria e o Confaz, conselho que reúne os titulares das pastas da Fazenda de todo o País. A culpa, porém, desse imbroglio é dela e do governador,que iniciaram uma guerra insana contra os incentivos e abriram flancos para SP e Brasília.
Agora, fazem o que esse governo sabe fazer: chorar e reclamar.