Deputados estaduais, federais e senadores goianos precisam reagir diante do desmonte da UEG e UFG

A educação estadual está muito ameaça e percebe-se um silêncio preocupante dos nossos parlamentares. Bolsonaro cortou 30% do orçamento da UFG, que pode parar de funcionar já em outubro. Caiado está deflagrando um processo de enfraquecimento da UEG; onde cursos serão extintos e campus fechados. Os estudantes e professores, claro, foram às ruas no último dia 15 e protestaram. Só que faltam os representantes do povo.

Deputados estaduais, federais e senadores por Goiás precisam reagir e evitar esse desmonte da educação estadual. Até mesmo Jorge Kajuru, sempre atento a tudo que acontece, anda calado e ainda não comprou a briga da educação.

Tá na hora de essa turma mostrar a que veio e defender a UFG e a UEG.