Fracasso total: Popular e Diário da Manhã ignoram o festival de baboseiras dos dirigentes da Adial

Um fiasco total. O Popular e o Diário da Manhã ignoraram completamente o festival de baboseiras protagonizadas pelos dirigentes da Adial, ontem. Otavinho Lage, César Helou e Alberto Caramuru chamaram a imprensa para apresentara uma pesquisa contratada e paga pela entidade para defender os incentivos fiscais. Virou piada. Ninguém levou a sério o tal levantamento que, claro, só poderia mostrar números favoráveis aos empresários. O desastre foi completado pelas entrevistas do trio que teve ataques à Assembleia e inflamou mais ainda os Ânimos dos deputados na CPI.
Resumo: a Adial gastou o dinheiro dos associados à toa.