Peleguismo patronal: Acieg está ajoelhada para o governo Caiado

Depois de assumir a presidência da hoje inexpressiva AcieG (Associação Comercial e Industrial de Goiás), o pequeno empresário Rubens Filleti, que sucedeu Euclides Barbo Siqueira (este vendeu a Acieg para conseguir um cargo no governo e renunciou depois que tomou posse na Juceg), deu uma aula de como puxar saco do governador.
Junto com o irmão do secretário da Casa Civil,  Anderson Maximo, Allan Máximo (na foto entregando um cobertor para o governador) que recebe gordo salário no Sebrae, também indicado pelo governador, Rubens Filleti fez uma doação mixuruca para a OVG. Isso mesmo que você leu: os funcionários do governo estão usando a Acieg para puxar saco de Caiado.
Em tempos de ouro, a Acieg debatia grandes projetos com os governos. Hoje, virou trampolim para líderes inexpressivos conseguirem uma boquinha no governo.