Fim da Conta Centralizadora “asfixia” governo Caiado, diz especialista ouvido pelo G24H

A determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para que o governo Ronaldo Caiado (DEM) acabe com a Conta Centralizadora da Secretaria da Economia terá um grande impacto sobre a gestão fiscal das contas do Executivo, disse nesta sexta-feira (14) um especialista da área ouvido pelo G24H.

“O fim da Conta Centralizadora tira o gás, asfixia o governo”, afirma o especialista. Isso porque, explica, a extinção da conta acaba com a possibilidade de a Secretaria da Economia tomar emprestado recursos de outras áreas para pagar, por exemplo, a folha de pagamento.

Isso é possível porque a Conta Centralizadora é uma especial de conta corrente central, por onde entram todos os recursos do Estado antes de sua distribuição. Sem ela, os recursos já cairam diretamente nos fundos das diferentes áreas, impedido, por exemplo, um caso como este de uso temporário dos recursos da saúde.