Em encontro com classe artística e produtores culturais, representantes caiadistas sinalizam com o fim da Lei Goyazes e Fundo de Cultura

Em encontro organizado por produtores culturais que reuniu representantes da classe artística do estado, debateu-se hoje a continuidade da política de incentivos à cultura do governo. Pelo que se deduz das posições externadas pela turma das secretárias de Economia e  Cultura do estado, ficou claro que  a lei Goyazes e o Fundo de Cultura correm risco de acabar. O seminário foi realizado no Centro de Cultura da UFG.
O desmonte da área cultural, por Caiado,  está em andamento.