Com o governo prestes a completar 6 meses, aumenta o número de caiadistas arrependidos

Com a atual gestão chegando aos primeiros seis meses, o que mais se vê por aí são caiadistas arrependidos. A maior parte deles está no meio do funcionalismo público estadual, que virou vítima do chicote de Caiado. Mas também tem muito apoiador do demista pagando penitência e lamentando-se pelo fracasso da administração atual.
Se arrependimento matasse…