Com Caiado, o Goiás moderno das indústrias agora usa chapéu, monta cavalo, toca berrante e volta a ser caipira

Em seis meses se governo, Caiado não fez nada, mas firmou uma marca do
seu governo.

Se antes Goiás construiu uma imagem de estado moderno como eleitos de
indústrias farmacêuticas e automobilísticas de última geração
tecnológica, agora a conversa é outra.

Com Caiado, Goiás usa chapéu, monta cavalo e toca berrante, refletindo
uma visão de mundo bucólica e caipira , ancorada nos tempos de antanho
do caiadismo coronelista e ruralista.

Isso é pouco para Goiás.