Caiado nomeia duas filhas de Bordoni, jornalista que fez acusações sem prova contra Marconi

O leitor do GO24H que tem boa memória se lembrará do jornalista Luiz Carlos Bordoni, que depôs na CPI do Cachoeira contra o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) e fez acusações sem provas. Pois bem. Por seu “serviço” prestado, Caiado o retribuiu: nomeou suas duas filhas em cargos comissionados do governo. 

Berta Monteiro Bordoni foi nomeada na secretaria estadual de Administração em um cargo de assessor especial V. O decreto está no Diário Oficial do dia 21 de março. Bruna Monteiro Bordoni tomou posse de um cargo de assessor especial referência III na Secretaria de Gestão e Planejamento. Foi nomeada no dia 10 de janeiro.  

É o governo da panelinha.