Aumento da despesa no primeiro semestre mostra o fiasco da gestão de Cristiane Schmidt

Um verdadeiro fiasco: assim pode ser definida a gestão da secretária forasteira da Economia, Cristiane Schmidt, à frente da pasta da Economia de Ronaldo Caiado.

O balanço da execução orçamentária do primeiro semestre de 2019 mostra que, vez de economizar, o governo Caiado aumentou as despesas da administração entre janeiro em junho.

Segundo os balanços, foram gastos R$ 504,1 milhões a mais do que o previsto no orçamento para o primeiro semestre.