“Perigoso”, diz Sindifisco a site sobre decreto que pode liberar acesso a base de dados de contribuintes

O presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais de Goiás (Sindifisco), Paulo Sérgio, afirmou em entrevista ao Diário de Goiás, que o decreto causou perplexidade aos auditores goianos  e é de certa forma “perigoso” para o contribuinte, porque “permite o compartilhamento da base de dados do Governo de Goiás pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) para cobrança de débitos fiscais”. Para ele essas informações podem ser usadas para beneficio próprio dos procuradores.