Reviravolta: defesa de João de Deus afirma que vai processar banco por informações falsas repassadas ao Coaf, diz site

Em reportagem de Joao Paulo Alexandre, o site Mais Goiás informa que A defesa do médium João Teixeira de Farias, o João de Deus, afirmou que vai processar o Banco Itaú devido às informações que foram repassadas ao relatório da Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). De acordo com o advogado Anderson Van Gualberto de Mendonça, o relatório feito do Conselho havia informações falsas e que teria servido como base para a prisão preventiva do médium.
João de Deus está detido no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia desde dezembro do ano passado. Ele sempre negou os crimes. Anderson destaca que já está prepara a ação de reparação por danos morais.