Em 2016, Major Araújo foi eleito vice-prefeito de Goiânia e renunciou. Terá de pedir desculpa ao goianiense em 2020

A chapa que sagrou-se vencedora da eleição para prefeito de Goiânia em 2016 tinha Iris Rezende (MDB) na cabeça de chapa e o deputado estadual Major Araújo (PSL) como candidato a vice. Major renunciou antes de assumir o cargo. Como pretende concorrer outra vez em 2020, Major tem um desafio: decidir como vai pedir desculpa ao goianiense por jogar o voto dos seus eleitores no lixo três anos atrás.