Professor acusa Câmara de Valparaíso de manobra ilegal para derrubar CPI contra prefeito Mossoró

Em vídeo publicado no Facebook, o professor universitário Weslei Garcia (PSol) explica como foi a manobra ilegal da Câmara Municipal de Valparaíso para engavetar um pedido de CPI contra o prefeito da cidade, Pábio Mossoró (PSDB). Weslei diz que o regimento preconiza assinatura de um quarto dos vereadores para abertura da comissão. Ocorre que a Câmara tem 13 vereadores, mas um deles está suspenso. Portanto, hoje, a assinatura de quatro seria suficiente para criar a comissão. E o pedido de CPI tinha as quatro subscrições.

Assista.