Schmidt admite: Caiado terá de usar receita extraordinária para fechar caixa

A secretária estadual de Economia e autointitulada “bruxa forasteira” do governo, Cristiane Schmidt, encaminhou mensagem aos colegas secretários em que admite que não conseguiu ajustar as contas da administração mesmo após oito meses no cargo. Schmidt afirma que terá de usar receita extraordinária para fechar o caixa. Contar com receita extraordinária para ficar no azul não é recomendável em nenhuma hipótese. Em gestões saudáveis, esta rubrica serve só para aumentar investimentos. 

Confira abaixo a íntegra da mensagem de Schmidt aos secretários via WhatsApp: 

Meus caros,

Notícias ruins….

Não há dinheiro mesmo no caixa do Estado e todos nós precisam ficar demasiadamente atentos a esta situação.

O GOVERNADOR PRECISA DA NOSSA UNIÃO!!!!

Por favor, revisem o uso de tudo!! O uso de carros, por exemplo: carro preto só para o titular da pasta. Vamos uniformizar este procedimento de vez. Os subsecretários e superintendentes, que compartilhem poucos carros. Outro exemplo: Restrinjam o uso de telefones e ipads. E assim vai… temos que economizar mesmo!!!! Não é brincadeira.

Como estamos fechando o caixa mensal desde janeiro? Com receita extraordinária (antecipação de alguns recursos), com intensificação da fiscalização (somos o 4o estado com a maior taxa de crescimento de arrecadação no Brasil, mesmo com a economia fraca), com o aumento de restos a pagar para 2020 e, mais recentemente, com a suspensão do pagamento da dívida (que teremos que voltar a pagar em janeiro). Mas isso não é sustentável no longo prazo. Temos que ajustar as despesas dentro das receitas, como fazemos com os nossos orçamentos familiares.

Não está fácil mesmo e quero, mais uma vez, fazer este alerta e pedir a colaboração de vcs, lideres. Precisamos ajudar o nosso Governador economizar qualquer recurso para sobrar dinheiro para ele fazer política pública!! Precisamos ajuda-lo, sem retórica, mas com ações concretas.

No PPA pude perceber o quão distante estão diversos colegas desta realidade. Por isso, a mando do Governador, fizemos muuuuitos ajustes para baixo nas metas e diversas simplificações. Espero compreensão de todos.

Mais ainda, estou segurando verdadeiramente pedidos de abertura de crédito, pois – insisto – não há financeiro e o TCE está com lupa (ou melhor com um telescópio) em cima da gente. E mesmo no empenho, vcs têm que negociar muuuuito como vão pagar após a execução. Parcelem e fiquem atento aos cartéis nas licitações, que aumentam os preços em pelo menos 20%.

Sigam renegociando contratos!! Se precisar, minha equipe ajuda. Me liguem, se necessário for. Eu sempre atendo todos vcs.

Assim, meus amigos, se já sou a bruxa do nosso secretariado, vou piorar muito mais! Podem comprar várias vassouras para mim, tudo bem! O Governador precisa da nossa união!! O Governador precisa do nosso esforço!! O Governador precisa da gente!!!

Economizar, otimizar e ajustar são as palavras de ordem!!

A partir de agora todo o financeiro será praticamente direcionado ao cumprimento das vinculações, pois as vamos cumprir, chuva ou faça sol!!

Desculpa acordar vcs com esta mensagem chata, mas o Governador precisa desta compreensão de todos!!

Todos pelo nosso Governador! Todos por Goiás!

Beijos em todos,

🧙‍♀ —> bruxa forasteira! 😊😘