Depois de atacar e matar o professor, Anderson Grandão fugiu a pé

Segundo o Correio Braziliense, “depois de atacar o professor, Anderson Grandão fugiu a pé. A vítima ainda conseguiu entrar de volta na escola, caminhou até a sala dos professores e contou a colega o que tinha acontecido. “Ele avisou que foi o Anderson ‘grandão’ que havia dado a facada. O apelido era como o aluno era conhecido. Uma professora ainda não acreditou e foi até lá fora conferir, mas o suspeito já havia fugido”, explicou o investigador ao jornal de Brasília.
Testemunhas contaram à polícia que o aluno fazia parte do programa Mais Educação, voltado a prática de esportes a estudantes do 6º e 7º ano. Como ele estava em série avançada, teria recebido a informação de que seria desvinculado do projeto. “Ele então saiu da aula mais cedo, por volta das 11h55, apresentando um comportamento atípico. Voltou cerca de 10 minutos depois, encontrou o professor pegando a moto para ir embora, e deu o golpe de faca”, contou o delegado-plantonista da 1DP, Rodrigo Mendes.