Jurado de “morte” pelo caiadismo, Zé Garrote promete dar o troco na mesma moeda

Perseguido e jurado de “morte”, no sentido figurativo, pelo caiadismo, o empresário Zé Garrote, dono de grupo de indústrias que fatura R$ 1 bilhão, promete reagir e dar o troco na mesma moeda, e olha que “prata” ele tem demais, se sofrer retaliação. É o que informam aliados do megaempresário ao G24H. Segundo eles, Zé, bem ao seu estilo “caipira”, acompanha quieto e calado a movimentação de caiadistas, mas irá à luta caso perceba o acirramento de posições do grupo que tomou o poder em Goiás. Ele sabe que não tem a simpatia do governador e não fará gesto algum para conquistá-la. Não partirá dele, também qualquer ataque, mas o revide será imediato e na mesma proporção se for vítima de investida do governo.