Ministério Público está de olho em possíveis interferências ($$$) do setor imobiliário na tramitação do plano diretor

Para impedir que aconteça de novo a farra nada republicana que aconteceu na Câmara Municipal na última vez que o plano diretor de Goiânia entrou em pauta,  o Ministério Público observa com lupa as possíveis interferências do setor imobiliário do debate do assunto. A informação é do jornal O Popular.