Esse rubi era bijouteria (1): advogados dizem que Baile da OAB deste ano foi pior que os dos anos anteriores

O Goiás 24 Horas ouviu mais uma dezena de advogados que foram ao Baile do Rubi, promovido pela OAB Goiás no último sábado, e a conclusão de todos foi unânime: a festa deste ano ficou muito abaixo da dos anos anteriores. Alguns dos problemas mencionados: os doces da Sonho Meu acabaram uma hora depois do início da festa; a iluminação/decoração estava pobre; a OAB não providenciou brinde para todas as advogadas e só algumas receberam a echarpe; a seleção musical foi um horror. A cereja do bolo foi o comportamento do presidente Lúcio Flávio de Paiva, que parecia no mundo da lua.