Esse rubi era bijuteria (6): bombons do baile da OAB acabam 1 hora após início da festa

Advogados que foram ao Baile do Rubi, festa promovida anualmente pela OAB Goiás, no último sábado, relatam que os bombons e doces da confeitaria Sonho Meu mal deram para o começo. Uma hora depois do início do baile já não havia mais bombons. “Tenho colegas que chegaram uma hora e meia, duas horas depois do baile e não conseguiram comer nenhum docinho. Só tinha bolo. Erraram na previsão de convidados”, diz um advogado ouvido pelo blog.