EXCLUSIVO Empresa de Goiás continua à frente do Porto Seco de Anápolis por mais 25 anos

O Grupo Porto Seco Centro Oeste S/A deve prosseguir à frente do Porto Seco de Anápolis pelos próximos 25 anos.

O Grupo Aurora da Amazônia, que disputava com o empresa goiana a gestão do estação aduaneira em Anápolis, teve negado recurso de uso de solo pela prefeitura local e está fora do jogo.

A portaria da rejeição do recurso assinada pelo secretário municipal de Meio Ambiente, Jackson Charles, foi publicada no Diário Oficial de Anápolis desta sexta-feira (6).

Com isso, o Grupo Porto Seco Centro Oeste S/A será declarado vencedor a licitação que se arrastava há meses.