Denúncia: MP apura supostas irregularidades cometidas por aliados de Caiado em Jussara

O Ministério Público de Goiás acatou denúncia anônima e abriu procedimento para apurar supostas irregularidades na Câmara Municipal de Jussara e na Sub-delegacia de ensino, onde estariam envolvidos o presidente da Câmara de Jussara, Francisco Rebouças Neto (Chico Rubião); presidente do DEM, Arthur Junqueira. e a diretora de ensino da Sub-delegacia, Helenilza de Oliveira.

Segundo informações que consta no portal do Ministério Público, ambos estariam usando da influência junto ao governo do Estado para indicações de funcionários públicos sem nenhuma aprovação em processo seletivo e deixando os que foram selecionados no processo de fora simplesmente pelo fato de a diretora de ensino ter de atender aos pedidos do presidente da Câmara e do ex-vereador.

A denúncia mais grave ainda envolve o famoso “nepotismo cruzado”, ou seja, o presidente da Câmara nomeou a filha da diretora de ensino para cargo comissionado na Câmara em troca da nomeação da nora dele lotada na sub-Delegacia de ensino, crime esse que pode acarretar com a cassação de mandato do presidente e exoneração da então servidora.

Aguardaremos os próximos capítulos…