Itumbiara: Justiça nega liminar para vereador afastado por corrupção voltar ao cargo

A juíza em segundo grau Lília Mônica Escher indeferiu liminar ao vereador Rogerio Rezende (DEM) para voltar ao cargo do qual foi afastado pelo prazo de 180 dias.

Rezende foi denunciado criminalmente pelo Ministério Público por embolsar parte dos salários dos servidores de seu gabinete na Câmara Municipal de Itumbiara.

O afastamento do vereador foi decretado pelo juiz Alessandro Luiz de Souza, da Vara Criminal da Comarca de Itumbiara.

Leia a íntegra da decisão da juíza  Lília Mônica Escher:

Justiça nega liminar para vereador afastado por corrupção voltar ao cargo