Discurso de queda de empregos é lorota da Adial Goiás: empresários querem mesmo é preservar privilégios

Os integrantes da CPI dos Incentivos Fiscais estão convencidos que a Adial Goiás usa e abusa da conversinha da queda de empregos para esconder os verdadeiros interesses, que nada têm de republicanos.

Se preocupassem mesmo com empregos, os empresários ‘tubarões’ não ficariam o tempo todo ameaçando fechar indústrias e demitir trabalhadores.

Opinião unânime dos deputados da CPI: a turma da Adial quer mesmo é preservar os seus privilégios e manter a mamata dos benefícios fiscais.