Depois da repercussão negativa no governo, Otavinho Lage tenta limpar a barra com Caiado

Para tentar limpar a barra depois da trapalhada de lançar movimento para emparedar o governo do estado, que gerou irritação no caiadismo, o presidente da Adial, Otavinho Lage, sai a campo. Neste sábado, o Giro publica explicação do empresário de que a ação dos empresários não visa o embate com Caiado. Apesar do sorriso amarelo da foto, não colou. Nem o governador nem ninguém do governo acredita na lorota.
Afinal, se não era para pressionar o governo, porque mobilizar toda a dessa gente? É para aplaudir Caiado?