Festa de cadeiras vazias: aniversário de Caiado no tattersal foi um fracasso de público

A festa do governador Ronaldo Caiado no tattersal de elite da Pecuária foi fiasco: 75% das cadeiras não foram ocupadas. Nem os secretários da legião estrangeira deram as caras.

O baixíssimo público que compareceu ao evento decepcionou os organizadores, o vice-presidente da SGPA, Eurico Velasco, e o deputado estadual Amauri Ribeiro (Patriotas).

O governador não gostou do que viu e franziu o cenho.

O vexame é um sinal de alerta a Caiado, que está isolado politicamente e montou um governo com familiares e forasteiros.