Giro: com descontrole fiscal de Caiado, governo terá de cortar 1.49 bi para atender ao STF

Com as contas descontroladas e os gastos fora do limite, o governo Caiado vai ter de cortar R$ 1,49 bilhão para se adequar à decisão do STF, informa a coluna Giro, de O Popular, desta terça-feira. Apesar de estar no poder há oito meses, os caiadistas culpam a gestão anterior pelo desajuste, mas a administração atual não faz o dever de casa, coo a redução de despesas e enxugamento da máquina.