Esse é o governo Caiado: dois forasteiros que nunca colocaram os pés em Goiás estão vendendo 49% das ações da Saneago, hoje o maior patrimônio dos goianos 

A que ponto Goiás chegou: dois forasteiros estão vendendo, sem ouvir ninguém, 49% das ações da Saneago, uma empresa que teve lucro de R$ 160 milhões em 2018. O presidente da Saneago, Ricardo Soavisnki, e o diretor financeiro, Paulo Rogério Battiston, são do Paraná e precisam de GPS para andar em Goiânia.

São eles que vão torrar a Saneago, hoje o maior patrimônio dos goianos.