Embriaguez do piloto causou queda do helicóptero em Buriti Alegre

A Polícia Civil concluiu inquérito que investigou a queda de um helicóptero no Lago das Brisas, município de Buriti Alegre. O acidente, que aconteceu no dia 24 de agosto, teria sido ocasionado em razão da embriaguez do piloto, associado a outros fatores. Ele e mais duas pessoas que ocupavam a aeronave morreram no local.

Segundo o delegado Ricardo Chueire, um exame cadavérico comprovou que o piloto havia ingerido bebidas alcoólicas, o que pode ter provocado uma desorientação espacial. “O piloto perdeu noção e referência do que era céu, água ou terra e acabou colidindo com a superfície do Lago das Brisas”, informou.

Ricardo Chueire também comentou o histórico do piloto. Durante o dia, testemunhas avistaram a aeronave fazendo manobras arriscadas na região. O delegado afirmou que um bombeiro que estava lá viu o piloto fazendo uso de bebida alcoólica e tentou intervir, mas ele acabou deixando o local.

Ainda segundo o delegado, uma perícia foi realizada na aeronave, e não encontrou nenhuma falha mecânica. Além disso, as manutenções estavam em dia.

Assista: