No Twitter, Bolsonaro posta vídeo em que é leão e alvo de PT, PSL, STF e imprensa e depois apaga post

Um vídeo publicado no perfil oficial de Jair Bolsonaro (PSL) hoje, no Twitter, compara o presidente da República a um leão cercado por hienas, que são descritas como seu próprio partido, o PSL, além de STF, veículos de imprensa, movimento feminista, ONU, OAB, MBL, Greenpeace, Lei Rouanet, CUT e partidos de oposição ao governo (PT, PSDB e PCdoB). Posteriormente, o vídeo foi deletado da conta do presidente.
Veja: