Retrospectiva 24H: Caiado elege servidor como inimigo e quer cortar licença-prêmio, quinquênio e outros benefícios

Desde o começo do mandato ficou claro quem seria o inimigo do governador Caiado: o servidor público estadual. As pancadas no funcionalismo são quase que diárias. Para Caiado, a folha salarial do funcionalismo é que inviabiliza seu governo e ele está disposto a cortar na carne. Está na Assembleia Legislativa um pacotão de maldades que corta quinquênios, licença-prêmio e outros benefícios.

A reforma da Previdência estadual também atinge em cheio o funcionalismo. A alíquota previdenciária poderá chegar a quase 22%; juntando com outros descontos, o salário do servidor será tragado pela metade.

Os servidores prometem reagir!