Incentivos fiscais: empresários partem para confronto com Caiado e decretam Dia de Luto; veja fotos do protesto

Dezenas de indústrias goianas incentivadas pelo Produzir e Fomentar amanheceram de luto, cobrindo as placas de sinalização do uso do programa de incentivos fiscais com uma faixa preta, informa a Adial no perfil de Facebook.  Essa manifestação sinaliza a frustração destas empresas com os projetos de lei que reduzem benefícios fiscais no Estado, ao mesmo tempo, que afeta competitividade, níveis de investimento e geração de empregos. Promove desinstalação de linhas de produção, que migram para outros Estados, gerando maior desemprego industrial em Goiás.

Em novembro, IBGE apontou que a taxa de desemprego em Goiás, na contramão do País, saltou de 8,9% (dezembro de 2018) para 10,8% (outubro de 2019). Sem política de desenvolvimento regional competitiva, Goiás vai travar suas empresas. Questão de tempo.

Em defesa do em emprego e da indústria.