Lêda Borges: “Caiado mais uma vez hostilizou e ameaçou a Assembleia”

A deputada Lêda Borges (PSDB) disse que esperava um discurso equilibrado e conciliador de Caiado na reabertura da Assembleia, mas o que viu foi um governador hostil, ameaçador e arrogante.

Lêda rebateu ponto a ponto do pronunciamento de Caiado e afirmou que o governo está paralisado, com obras paradas e  todos os programas sociais suspensos.

A deputada disse que, para piorar, o espírito machista se entranhou em Caiado, que se referiu às forças policiais “como meus soldados, meus homens”, esquecendo as mulheres policiais.

Por fim, Lêda rebateu a acusação de populismo feita por Caiado ao governo passado. Ela citou a revista Veja e apontou que populista é o governador, que atrapalha é hostil às empresas e espanta investimentos no estado.