Lissauer será testemunha de reaproximação entre Caiado e Bolsonaro

O presidente da Assembleia Legislativa, Lissauer Vieira (PSB), compõe a seleta lista de autoridades convidadas pelo governador Ronaldo Caiado para a vistoria às obras do Hospital de Campanha em Águas Lindas, no Entorno de Brasília. O evento restrito, marcado para este sábado (11) terá a participação do presidente da República, Jair Bolsonaro, e será testemunhado por Lissauer, que tem declarado que o momento é de “união e soma de forças” para enfrentar a pandemia do novo coronavírus.

O encontro será o primeiro entre os dois líderes políticos de Goiás e do Brasil, respectivamente, após Caiado ter declarado que não concordava com o posicionamento de Bolsonaro, que disse publicamente ser contra as medidas de isolamento social defendidas pelo Ministério da Saúde e colocadas em prática com rigor no território goiano.

“Vejo que precisamos, mais do que nunca, buscar a união de forças e pacificação para podermos superar essa verdadeira guerra que estamos enfrentando. O Brasil foi pego de surpresa por essa pandemia e, por isso, não é hora de apontarmos quem está certo ou quem está errado. Todos os governantes querem acertar e estão trabalhando para isso. Portanto, vamos buscar o equilíbrio e a unidade na certeza de que muito em breve sairemos todos vitoriosos dessa situação”, afirmou Lissauer.